domingo, 27 de junho de 2010

O Gorfo de Losterh



E que vá a merda a minha paciência. Cansei de aguardar o aflorar de sentimentos verdadeiros e provas que não mudarão em nada o que sinto agora e que não me amansarão quando chegarem. De fazer o bem a pessoas que gosto, mesmo que vezes isso seja um soco no meu estômago. Da beleza do trivial, de permitir o rumo natural das coisas e da poesia dos comerciais de margarina.
De tentar compreender o que acontece e, apesar de saber que posso nunca entender, não me sentir melhor por sempre tentar. De ter – merda! – de explicar o óbvio mais de uma vez, de ter que pedir coisas que não são para serem pedidas, de querer ser Pollyana quando eu mesma tenho a prova de que há gente sinceramente sacana neste mundo. E – argh - desses diplomas de psicólogos surdos e burros que todo mundo parece ter em casa.
Vou começar a chegar chutando as portas, sem nem me preocupar se há algum infeliz do outro lado dançando nu, vomitado ou todo cagado. Fazer um pouco mais de terrorismo poético. Lembrar que o agora também existe, que o todo não diz a verdade sobre nenhum de seus filhos e que não existe o poder de rasgar os registros empoeirados da cabeça. Pra ver se quebra esse medo todo de ser infeliz.
Comi lentidão e agora, gorfo ansiedade.
Por os meus débitos, quem sabe eu mereça esse gosto de chorume que está dançando entre minha boca e meu sistema nervoso. Mas talvez eu devesse aderir logo à psicopatia, acho que assim interagiria melhor com o resto do mundo. Merda.

7 comentários:

  1. Pode chegar chutando a porta, mas limpe o pé antes de entrar, e quando cansar de novo, apague a luz pra sair.

    ResponderExcluir
  2. Podre!! rs mas sensacional, muito autentico
    https://www.estigmaangel.blogspot.com/
    ;)
    Boa semana

    ResponderExcluir
  3. essa merda toda q eu nunca vou conseguir ser tbm ta doendo em mim. então, como não sei chutar a porta, deixo aqui o q sei: atadas às suas palavras, as minhas lágrimas e o meu abraço. é bom saber q eu não sou a única.

    ResponderExcluir
  4. http://www.youtube.com/watch?v=4Pr8vpM97EI&feature=related

    ResponderExcluir
  5. pra ser bem cliché, porem cretinamente verdadeira:
    bom não se sentir a única.

    ResponderExcluir
  6. quase nem consigo te imaginar nessa descrição que esboçou de si, antes de se cansar dessas coisas todas. mas até consigo. olhando bem fundo - bem no fundo - dos seus olhos dá até pra ver a menina boa, antes de aderir a psicopatia ansiosa. cara, mas você já foi aos extremos disso. será que não deveria voltar um pouco ao seu lado sereno e talvez procurar um equilibrio entre a Pollyana e a Velasca? ah sei lá...

    rs, Junho de 2010 um punk estava prestes a soltar aquela pérola de verdadeiros frequentadores
    ah, sua vida sempre foi fuckn psicheddelick attomick gloriosa e doida
    foi a minha que mudou depois daquele tópico tosco do Jô

    ResponderExcluir

Olá. Você, sendo você mesmo, não é bem vindo aqui. Mas se você for qualquer outra pessoa, sente-se no chão e coma uma xícara de café.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails